Notícias/  Polícia

Fotógrafo condenado por furto e roubo é preso em delegacia enquanto cobria apreensão de droga

G1 Mato Grosso

16/05/18 às 13:12

Imprimir Enviar para um amigo
Fotógrafo condenado por furto e roubo é preso em delegacia enquanto cobria apreensão de droga

Welikis Gomes de Aquino era foragido da cidade de Estreito, no Maranhão

Foto: Polícia Civil de MT

 
Um fotógrafo foi preso nessa terça-feira (15) enquanto registrava a apreensão de 250 kg de droga na delegacia de Jaciara, a 142 km de Cuiabá, de Cuiabá.
 
Segundo a Polícia Civil, Welikis Gomes de Aquino, de 23 anos, conhecido como Gil Gomes, foi condenado pelos crimes de furto e roubo e estava com a prisão decretada pela Justiça do Maranhão. Ele foi preso no dia do aniversário dele.
 
O G1 não localizou o advogado do fotógrafo. A Polícia Civil não divulgou informações se ele confessou ou negou o crime. De acordo com a polícia, Welikis cometeu os crimes na cidade de Estreito, no Maranhão.
 
Ele fazia a cobertura fotográfica da prisão de um casal que foi preso com cerca de 300 kg de maconha.
 
O entorpecente, segundo a Polícia Civil, estava escondido no banco traseiro e no porta-malas do veículo usado por Pablo Pedro Alves Machado, de 22 anos, e Paula Machado dos Santos, de 28 anos.
 
Conforme a polícia, ele já foi diretor de departamento da prefeitura e, no ano de 2017, fez a cobertura jornalística da inauguração da nova sede da delegacia.
 
Na tarde de terça-feira os policiais foram informados da ordem judicial contra o foragido, enquanto ele fotograva a apreensão da droga na delegacia.
 
Após ser avisado da ordem de prisão, o fotógrafo procurado foi recolhido para uma das celas da delegacia.
 
Condenação
O fotógrafo havia sido condenado a cumprir pena de seis meses e quatro meses de prisão por furto e roubo. A decisão que determinou a prisão dele é do dia 13 de março deste ano, assinada pela juíza Gisa Fernanda Nery Mendonça Benício, titular da 1ª Vara da Comarca de Estreito (MA).

 
Imprimir Enviar para um amigo

0  comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Nova Edição. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Nova Edição poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
 
 
Sitevip Internet