Notícias/  Cidades

Sem verba estadual para instalar Delegacia da Mulher, PJC fará parceria com Prefeitura

Da Redação - Anderson Hentges

08/02/18 às 11:56 / Atualizada: 08/02/18 às 12:14

Imprimir Enviar para um amigo
Sem verba estadual para instalar Delegacia da Mulher, PJC fará parceria com Prefeitura

O diretor geral da Polícia Judiciária Civil (PJC) de Mato Grosso Fernando Vasco Spinelli Pigozi concede coletiva na Cãmara de Sinop

Foto: Anderson Hentges

O diretor geral da Polícia Judiciária Civil (PJC) de Mato Grosso Fernando Vasco Spinelli Pigozi, assegura que o órgão não possui verba para a construção da delegacia da mulher em Sinop. “Não disponibilizamos de recursos previstos no orçamento para a instalação desta delegacia”, afirmou antes de uma reunião na Câmara de Sinop na manhã desta quinta-feira (8).

Entretanto, o diretor assegurou que já é discutida uma possível parceria entre o Estado e Município, onde a Prefeitura de Sinop disponibilizaria o local, arcando com os custos da locação. Para que isso ocorra deve ser elaborado um termo de compromisso entre os dois Poderes. “A partir disso a equipe e engenharia da PJC virá para Sinop para avaliar o imóvel e trabalhar para que a delegacia seja instalada”, explica.

De acordo com Fernando, a PJC pode garantir o efetivo com profissionais capacitados para prestar atendimento à população e também o mobiliário, entretanto não tem condições de arcar com as despesas da construção ou locação de um prédio. “É muita responsabilidade ao criar uma delegacia, a gente não pode fazer isso pela metade”, completa.

Contudo, um núcleo de atendimento para vítimas de violência doméstica deve ser instalado no município, visto que não é necessário um prédio próprio e pode ser em anexo a delegacia municipal, por exemplo. “Estamos dispostos a imediatamente instalar o núcleo, pratica que já ocorre em outras cidades que solicitaram a delegacia”.

Conforme o diretor da PJC, esse seria o primeiro passo antes da abertura oficial de uma delegacia da mulher, pois há a necessidade de um concurso para delegado, que segundo Spinelli já está em andamento, para que após a nomeação possam atuar em Sinop.
 
Além disso, a equipe necessita de escrivães e investigadores. Está previsto para o primeiro semestre a realização de um concurso público para esses cargos. “Estamos no fechamento o quantitativo que possivelmente ficará em 1,2 mil”, explica Fernando.
 
Na semana passada o deputado estadual e líder do governo na Assembleia, Dilmar Dal’bosco, assegurou em vídeo após uma reunião com o chefe do Executivo estadual, Pedro Taques (PSDB), e vereadores de Sinop, que a delegacia seria inaugurada no dia 8 de março, data em que se comemora o dia internacional da mulher.
 
Contrariando a fala do líder político, o diretor regional explicou que não pode assegurar a inauguração para a data repassada pelo deputado aos parlamentares. “É muito prematuro da minha parte eu fixar uma data limite, vamos trabalhar para que seja o quanto antes”, conclui Spinelli.
Imprimir Enviar para um amigo

0  comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Nova Edição. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Nova Edição poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
 
 
Sitevip Internet