Notícias/  Política

Secretário de Saúde deixa cargo e novo nome deve ser anunciado nos próximos dias

Da Redação - Anderson Hentges

20/04/17 às 13:59 / Atualizada: 20/04/17 às 14:52

Imprimir Enviar para um amigo
Secretário de Saúde deixa cargo e novo nome deve ser anunciado nos próximos dias

Manoelito Rodrugues não faz mais parte do staff da prefeita Rosana Martinelli.

Foto: Reprodução

O secretário de Saúde em Sinop, Manoelito Rodrigues não faz mais parte do primeiro escalão da prefeita Rosana Martinelli (PR) e o novo nome deve ser anunciado nos próximos dias. Manoelito deixou o comando da pasta e a portaria deve ser publicada no Diário Oficial na próxima segunda (24).

Em carta aberta de despedida Manoelito Rodrigues ressaltou os feitos pela saúde pública do município e agradeceu à prefeita e a todos os servidores da secretaria. “O pouco tempo de gestão nesta atual administração me permite compreender o desejo e o anseio por melhoria”.
 
A saída de acordo com a carta, foi motivada para tratar de assuntos particulares. Essa é a primeira baixa no primeiro escalão de secretários realizada pela prefeita que está no comando do Executivo há pouco mais de três meses.

“A saúde é prioridade em nossa gestão, tanto é que estamos promovendo o trabalho de humanização dos serviços para atender cada vez melhor o cidadão sinopense”, disse a republicana
 
Rosana e Manoelito teriam se reunido na tarde dessa terça (18), no gabinete da prefeitura para tratar de um convênio, no entanto, supostamente teriam conversado sobre o assunto. " Agradeço o Manoelito pelo empenho e dedicação, e desejo sucesso na sua próxima empreitada", conclui Rosana.
 
Perfil
Monoelito Rodrigues foi nomeado pelo ex-prefeito Juarez Costa e está no comando da secretaria de Saúde, desde março de 2014, quando o ex-prefeito Juarez Costa (PMDB). Até então, Manoelito era servidor do pólo regional de saúde. Foi o primeiro interventor nomeado pelo Governo do Estado para o Hospital Regional de Sinop e foi um dos responsáveis pela abertura da unidade.
 
Conquistas
Enquanto esteve à frente a pasta na gestão passada, Manoelito desenvolveu várias atividades como a abertura do Centro de Especialidades Médicas (CEM), transferiu a gestão da UPA para a Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip), promoveu a abertura de 10 unidades básicas de saúde (UBS), reformulou o Conselho Municipal de Saúde, que primeiramente era composto por nove entidades e agora agrega cerca de 32, além de ter implantado o Protocolo de Enfermangem no município, o regulamento da Sala de Vacinas, entre outras conquistas.
 
Manoelito também foi alvo de uma CPI em 2016, que investigava diferença nos valores das locações de imóveis pela prefeitura na gestão anterior. De acordo com os apontamentos, os prédios que abrigam o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), Farmácia Regional e Posto de Coleta estavam inseridos no texto do relatório.
Imprimir Enviar para um amigo

0  comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Nova Edição. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Nova Edição poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
 
 
Sitevip Internet